Português Español Italiano English
Apostilas PDF Grátis
Sitemap Adobe Autodesk Corel Microsoft Open Source Variadas

Apostila Manual cabeamento estruturado e projeto para redes locais


 









Apostila Manual cabeamento estruturado e projeto para redes locais

Apostila Manual cabeamento estruturado e projeto para redes locais BAIXA ESTA APOSTILA GRÁTIS
Apostila em formato PDF para que você possa guardá-lo para o seu leitor de PC, e-book ou impressão.


Vínculo Patrocinado



Nota: A Apostila você está prestes a baixar está compactado formato. Rar, se você não tiver um descompactador de arquivos rar você pode baixar o 7-zip e você pode exibir o Foxit Reader PDF.



Índice Apostila Manual cabeamento estruturado e projeto para redes locais


Apresentação
Breve Histórico
FASE DAS REDES EXPERIMENTAIS
FASE DO CABO COAXIAL
FASE DO CABEAMENTO ESTRUTURADO
Elementos Básicos de Uma Rede Local
O QUE É REDE LOCAL?
ESTAÇÃO
SERVIDOR
PLACA DE REDE
MEIO DE TRANSMISSÃO
CONECTOR
TOMADA
HUB ou SWITCH
SINAL DE REDE
TRÁFEGO
SOR - Sistema Operacional de Rede
SO - Sistema Operacional cliente
Normatização
ANSI: American National Standarts Institute: Padroniza especificações já existentes
EIA: Electronic Industries Assossiation: Cria padrões para produtos eletrônicos
IEEE: Institute of Electrical and Electronic Engineers: Cria padrões
ISO: International Standarts Organization: Cria padrões
NEMA: National Electrical Manufacturer's Association: Cria padrões
TIA: Telecommunications Insdustries Assossiation: Cria padrões para produtos de Telecomunicações
UL: Underwriters Laboratóries: Cria e confere padrões
Meios de Trasmissão
TIPOS DE MEIO
Custo
Capacidade
Facilidade de Instalação
Atenuação
Imunidade à Ruídos
TIPOS DE MEIO
Condutores metálicos
Condutores óticos
Canais de rádio
Canais de luz
MEIO CUSTO CAPACID. INSTAL. ATENUAÇÃO IMUNIDADE
UTP BAIXO 100 Mbps FÁCIL ALTA BAIXA
COAXIAL BAIXO 10 Mbps FÁCIL BAIXA BAIXA
ÓTICO ALTO 256 Mbps COMPLEXA BAIXA ALTA
CODIFICAÇÃO DOS SINAIS DE REDE
CARACTERÍSTICAS ELÉTRICAS DOS CABOS METÁLICOS
Retardo de Propagação
Atenuação
Ecos
CARACTERÍSTICAS DOS CABOS ÓTICOS
O que é Cabeamento Estruturado
DEFINIÇÃO
PORQUE USAR CABEAMENTO ESTRUTURADO?
CABEAMENTO
FUNÇÕES DE UMA REDE ESTRUTURADA
ÁREAS COMPREENDIDAS PELA REDE ESTRUTURA
Rede Primária
Rede Secundária
Rede Terciária
Subsistema Estação de Trabalho
Subsistema H
DISTRIBUIDOR
TOMADAS
Subsistema Vertical
BACKBONE VERTICAL
Elementos de Cabeamento Estruturado
Cabos
Conectores
PRINCIPAIS CONECTORES PARA REDES LOCAIS
CABO COAXIAL FINO: Conector BNC
CABO COAXIAL GROSSO: Conector Vampiro
CABO PAR TRANÇADO UTP: Conector RJ45
CABO PAR TRANÇADO BLINDADO: Conector IBM Tipo1
CABO ÓTICO FORIL: Conector ST
CABO ÓTICO FDDI: Conector FDDI
Segmento de Cabo
Identificadores
Backbone
Patch Panel
Patch Cord
Área de Trabalho
Bloco de Distribuição
IDENTIFICADORES
FUROS PARA PARAFUSOS
Gabinete
TOMADAS
PORTA DE ACRÍLICO
CALHA COM TOMADAS ELÉTRICAS
FUNDO VAZADO PARA PASSAGEM DE CABOS
BARRA COM FURAÇÃO
TAMPA CEGA
UNIDADE DE VENTILAÇÃO
VENTOINHAS
TOMADA
TOMADA DE EMBUTIR
TOMADA DE SOBREPOR
Rede Vertical
Rede Horizontal
Cabeamento Pleno
Canaletas
Eletrodutos
Etiquetas e Marcadores
Topologias de Rede
BARRA
ESTRELA
ANEL
Topologia Barra
Topologia Estrela
Topologia Anel
Cabos Para Redes Locais
CABOS COAXIAL
CABOS TRANÇADO
CABOS ÓTICO
CABOS COAXIAL
REVESTIMENTO
MALHA
ISOLANTE
CONDUTOR CENTRAL
Distância Máxima
Distancia Mínima
Número Máximo de Estações
Principais Características do Cabo Coaxial 10Base2
Conectorização de Cabos 10Base2
Conectorização de Cabos 10Base5
CABO AUI
Attachement Unit Interface
PINO ETHERNET V2.0 IEEE802.3
CABOS TRANÇADOS
REVESTIMENTO
PARES
Cancelamento
Trançamento
PERFORMANCE
CATEGORIAS DE CABOS
Categoria 1 - Usado para transmissões a baixa velocidade
Categoria 2 - Usado para transmissões de até 4 Mbps
Categoria 3 - Usado para transmissões de até 16 Mbps
Categoria 4 - Usado para transmissões de até 20 Mbps
Categoria 5 - Usado para transmissões de até 100 Mbps
CABOS 10BASET/100BASET
Principais Características dos Cabos 10BaseT
Impedância: 85 à 111 ohms para todas as frequências entre 5 e 10 Mbps
Diâmetro: Normalmente AWG 24 ou AWG 22
Perda por inserção: 11,5 dB
Tipo de conector: RJ45 (Padrão ISO 8877)
Alcance: 100 metros
Número de estações por segmento: 1
Número máximo de segmentos: No mínimo 4 (varia conforme o hub)
PINO 1
TRAVA
CONECTOR RJ45
Esquema de Ligação para o Ethernet
Hub a Hub
CONECTOR RJ45 VISTA TRASEIRA
CONECTORIZAÇÃO DOS CABOS 10BASET
Tomadas
CABOS TRANÇADOS STP
CABOS IBM
CABOS ÓTICOS
Cabo Ótico para Redes
Custo
Número de Fibras
Preenchimento
Modo de Propagação
10BASE-F
FDDI
Fiber Distribution Data Interface
Conectorização
Distribuição dos Cabos
Emendas
Padronizações Internacionais
Padronizações
ESPECIFICAÇÕES DA NORMA EIA/TIA 568A
HISTÓRICO
OBJETIVOS DA NORMA EIA/TIA-568A
TOPOLOGIAS
CLASSIFICAÇÃO EIA/TIA 568A PARA CABOS TRANÇADOS
CATEGORIAS DE CABOS
CABOS PARA BACKBONES, REDE VERTICAL E HORIZONTAL
Cabos Trançados
Cabo UTP balanceado de 100 ohms (preferencial)
Cabo STP balanceado de 120 ohms (alternativo)
Cabo IBM balanceado de 150 ohms (alternativo)
Cabos Óticos
62.5/125 um fibra monomodo (preferencial)
50.0/125 um fibra multimodo (alternativo)
62.5/125 um fibra multimodo (alternativo)
Cabos Coaxiais: Cabo de 50 ohms
Cabo UTP 100 ohms: 800 metros
Cabo STP 150 ohms: 700 metros
Cabo ótico 62.5/125: 2000 metros
Cabo coaxial: 500 metros
REDE HORIZONTAL
Especificamente para cabos de categoria 5
Segmento do Distribuidor à Tomada: 90 metros (máximo)
Segmento do Hub ao Distribuidor: 7 metros (máximo)
Segmento da Tomada à Estação: 3 metros (máximo)
Total: 100 metros
ARMÁRIOS E SALA DE TELECOMUNICAÇÕES
TOMADAS
CONECTORES
PATCH CORDS
Para cabos UTP com conectores RJ45
Cabo AWG26 multifilar (strended)
Trança descoberta com comprimento máximo de 13 mm
Diâmetro máximo de cada fio entre 0,8 e 1,2 mm
ESPECIFICAÇÕES DA NORMA EIA/TIA 5
ESPECIFICAÇÕES DA NORMA EIA/TIA 570
ESPECIFICAÇÕES DA NORMA EIA/TIA 606
ESPECIFICAÇÕES DA NORMA EIA/TIA 2290
Projeto e Instalação do Sistema
Projeto e Instalação da Rede
FASES DO PROJETO
DETALHAMENTO DAS FASES
MAPEAMENTO DA REDE
PONTOS DE REDE E PONTOS DE TELEFONE
DISTRIBUIÇÃO
CONSIDERAÇÕES SOBRE O GABINETE
SEGMENTAÇÃO DA REDE COM RELAÇÃO AOS SERVIDORES
DISTRIBUIÇÃO DAS ESTAÇÕES NOS HUBS
ESTAÇÃO APLICATIVOS DO SERVIDOR QUE VAI USAR
LEVE E-Mail
MÉDIA Aplicações Comuns, Office, Intranet
PESADA Browser Internet, Aplicativo Gráfico, Boot remoto
IDENTIFICAÇÃO
ASSEGURANDO O SUCESSO DA INSTALAÇÃO
DOCUMENTAÇÃO
AUDITORIA
CUSTOS
ELEMENTOS A SEREM LEVANTADOS
TOPOLOGIA E TIPO DE CABOS
QUANTIDADE DE CABOS
QUANTIDADE DE CONECTORES, TOMADAS, PAINEIS, RACKS, ETC
TIPO DE MATERIAL, SIMPLES OU MAIS SOFISTICADO
PASSAGEM DOS CABOS
MATERIAL SOBRESSALENTE
TEMPO PARA REALIZAÇÃO DO SERVIÇO
CONFECÇÃO DO PROJETO FINAL (MAPA DO SISTEMA)
CUSTO DO MATERIAL
ITEM VALOR EM REAIS
PF: Preço Final
CM: Custo do Material. Todos os componentes utilizados no sistema
CMO: Custo da Mão de Obra
I: Impostos. ISS, ICMS, IRRF, etc
ML: Margem de Lucro
FR: Fator de Risco
CUSTO DA MÃO DE OBRA
TIPO DE CABO CUSTO POR PONTO NÍVEL I NÍVEL II NIVEL III
CUSTO DE FERRAMENTAS
ITEM CUSTO EM REAIS
Instrumentação de Teste
Ohmímetro
Testador de Continuidade
Rastreador de Cabo
Scanner
Medidor de Potência Ótica
MEDIDAS REALIZADAS COM O SCANNER
Ruído
Paradiafonia
Ruído Impulsivo
FAIXA DE FREQUÊNCIA DOS RUÍDOS
TIPO FAIXA DE FREQ. ORIGEM
Comprimento
Atenuação
Tráfego
Medidas em Cabos Óticos
Apêndice A
PADRONIZAÇÕES INTERNACIONAIS
EIA/TIA 568
Commercial Building Telecommunications Wiring
EIA/TIA 569
Commercial Building Standard For Telecommunications Pathways And Spaces.
EIA/TIA 570
Residential And Light Commercial Telecommunications Wiring.
EIA/TIA 606
Administration Standards For The Telecommunications Infrastructure Of Commercial Building.
EIA/TIA 607
Commercial Building Grounding / Bonding Requirements.
EIA/TIA 2290
Procedimentos de operação do sistema de cabeamento
EIA/TIA TSB 36
Additional Cable Specifications For Unshielded Twisted Pair Cables.
EIA/TIA TSB 40
Additional Transmission Specifications for UTP Connecting Hardware.
EIA/TIA TSB 67
Especificação de Desempenho de Transmissão para Testes em Campo de Sistemas de Cabeamento de Par Trançado Não Blindado (UTP)
ISO/IEC DIS 11801
Generic Cabling For Customer Premises Cabling
IEEE 802.3
Especificações do Protocolo Ethernet
IEEE 802.3u
Especificações do Protocolo Fast Ethernet
IEEE 802.3z
Especificações do Protocolo Ethernet Gigabit
IEEE 802.5
Especificações do Protocolo Token Ring
IEEE 802.12
Especificações do Protocolo 100 VG AnyLAN
ANSI X3T9.5
Fiber Distributed Data Interface (FDDI) Standards
ITU I.300 Series
Especificações do Protocolo ATM
Normas e Práticas TELEBRÁS
Normas e Práticas das Operadoras Estaduais (Ex: Telebrasília)
Bibliografia

Baixar




Baixe o descompactador 7-zip
Baixe o Foxit Reader baixo para ler os apostila.






ApostilasPDF © 2009 - Licença Creative Commons